Manual da Gestação

A Gravidez Mês a Mês
     O Primeiro Mês
     O Segundo Mês
     O Terceiro Mês
     O Quarto Mês
     O Quinto Mês
     O Sexto Mês
     O Sétimo Mês
     O Oitavo Mês
     O Nono Mês

Calendário Obstétrico

A Dieta na Gravidez

O Parto e a Recuperação

A Hora da Amamentação

O Aspecto Psicológico

Sexualidade na Gravidez


Sintomas, sinais e sensações
Importante: você pode apresentar todos ou somente alguns dos sintomas descritos. Além de alguns sintomas que continuam do mês passado.
Físicos: 
  Menor movimentação do bebê dentro do utero (devido à falta de espaço);
  Aumento da umidade vaginal (leucorreia), de forma mais abundante;
  Congestão nasal e sensação de entupimento do ouvido;
  Prisão de ventre;
  Âzia e dificuldade de digestão;
  Câimbras nas pernas;
  Aumento do inchaço dos tornozelos e dos pés, e às vezes também das mãos;
 
Possíveis dores de cabeça, às vezes desmaios e tontura;
  Algumas veias varicosas e/ou hemorróidas;
  Aumento da dores nas costas e da sensação de peso nas pernas;
  Respiração mais fácil quando o bebê se posicionar mais para baixo;
  Maior estímulo a urinar, depois que o bebê se posicionar mais para baixo;
  Insônia;
  Sensação de coceira no abdomen;
  Aumento na intensidade das Contrações de Braxton Hicks;
  Colostro, que pode gotejar dos seios;
  Sensação de incômodo ou adormecimento das nádegas e da pelvis;
  Períodos alternados de maior energia ou maior cansaço;
  Aumento ou perda do apetite.
Emotivos:
  Aumento da ansiedade, excitação e preocupação com relação ao bebê e ao parto;
  Períodos maiores de distração e falta de concentração no que se está fazendo;
  Um sensação de alívio maior ao pensar de que a gravidez está chegando ao fim;
  Impaciência e Inquietação;
  Sonhos e fantasias sobre como será o bebê.

Como seu Bebê Cresce dentro de Você
Começa a ficar mais gordinho:
Seu bebê neste último mês de gestação está praticamente pronto para nascer. Seu estomago e rins agora funcionam perfeitamente; seus pulmões estão totalmente desenvolvidos e prontos para respirar; seu intestino já produziu mecônio (substância que será eliminada juntamente com as primeiras fezes); seu corpo adquiriu uma boa camada de gordura, e agora ele já é bem pafudinho.

Descansa bastante para preparar-se para o parto:
A sua pele já não é mais rugosa e fina como antes, e sim macia e delicada, e seus cabelos já são um pouco compridos. Os progressos mais interessantes nesta fase são no desenvolvimento sensorial, e agora ele passa a maior parte do tempo dormindo e descansando, como que se preparando para a hora do nascimento.
Qual é o aspecto do bebê: 
Finalmente, é hora de nascer, e seu bebê estará prontinho para chegar ao mundo. Em média, o peso de um bebê no final da gestação é de aproximadamente 3300 gramas, e sua altura pode variar de 48 a 52 cm (dependendo do sexo). 
Qual é o aspecto da mamãe:
Com o aproximar-se do final da gestação e com o rebaixamento do utero, você estará sentindo-se melhor, com mais facilidade para respirar, com menor pressão no estômago e com uma sensação de maior liberdade no parte de cima do seu ventre.

Algumas Possíveis Preocupações
Quais Podem ser os Sintomas do Trabalho de Parto: 
Na maioria dos filmes, quando é chegada a hora de um parto, parece tudo tão simples e tranquilo, com a gestante comunicando, no meio da noite, ao marido meio adormentado: 
"- Meu bem, chegou a hora!!".
Pois é... mas quantas de nós, principalmente as marinheiras de primeira viagem, conseguem reconhecer realmente os sintomas que antecedem o trabalho de parto, ou saber distinguir as verdadeiras contrações se nunca antes as sentiu, ou ainda conseguir perceber se a hora realmente chegou ou é só um alarme falso e com isso conseguir só colocar toda a família em polvorosa??? Ahhh, estas dúvidas e muitas outras são permanentes na cabeça de uma gestante nesta fase da gravidez. O melhor é conhecer bem e informar-se sobre os sintomas iniciais do trabalho de parto, e conversar com seu obstetra sobre o assunto e todos os possíveis sintomas e sinais que poderão ajudá-la nesta hora. Um bom curso de preparação ao parto também será de muito auxílio, para que você e seu marido possam estar prontos e tranquilos para o tão esperado momento do nascimento do seu bebê.
   Alguns Sintomas de um Pré-trabalho de Parto: algumas semanas antes do parto, o corpo da gestante passa por algumas transformações em decorrência de estar se preparando para o parto propriamente dito: o bebê se posiciona mais para baixo na pelvis da mãe, o que dá uma maior sensação de compressão no baixo ventre, às vezes acompanhada de uma dor lombar; as contrações de Braxton Hicks se intensificam, tornando-se mais dolorosas e intensas, o que pode deixar a gestante incerta de reconhecer o trabalho de parto que se inicia; perdas vaginais mais abundantes e às vezes com uma coloração mais rosada (sintoma provocado pelo rompimento de algumas veias capilares causado pela descida do bebê se posicionando no utero para o nascimento).
   Alguns Sintomas do Trabalho de Parto: as contrações se intensificam, cada vez mais frequentes e mais intensas, e geralmente mais regulares; as dores iniciam-se na parte baixa das costas e se espalham por todo o baixo ventre, às vezes também nas pernas; e se dá o rompimento da bolsa uterina; muitas vezes, é expelido o "tampão" (uma espécie de tampa mucosa e elástica que fecha a abertura do utero contra bactérias e fungos. Obs: às vezes, a perda deste "tampão" pode acontecer dias antes do trabalho de parto iniciar realmente); lembre-se sempre que em caso de dúvidas e incertezas, seu obstetra está a disposição, e você deve ter a mão todos os números de telefone para localizá-lo.
   Leia mais sobre o parto, no capítulo O Parto e a Recuperação, com todas as informações específicas sobre o assunto, em breve.

Uma Palavra Amiga:
Se você chegou até aqui, seu bebê está prestes a nascer...  Foram nove meses de espera, expectativas, sensações. Agora seu bebê está pronto para nascer, sua família ansiosa em conhecê-lo, e você preparada para recebê-lo. Durante toda a gravidez seu corpo passou por numerosas transformações, e, mês após mês, você foi alterando inclusive sua própria rotina de vida. É desnecessário dizer o quanto este momento sublime será importante para você... Logo, logo, você não se lembrará mais dos pequenos e inconvenientes problemas que acompanharam cada fase da gravidez, mas estará abraçando pela primeira vez o seu lindo e precioso bebê, vendo seu rostinho redondo e se emocionando com o seu choro, sentindo-o em seus braços enquanto amamenta, e assim, passando a desempenhar um novo papel em sua vida: o de mãe!!! Por isso, a equipe do Site Clube do Bebê lhe deseja: 

"Felicidades e Boa Sorte, Mamãe!!! Bem vinda ao Clube."

 



Copyright© Clube do Bebê 2003/2004 - Web Design by Classe de '84 Produções para WEB